Seguidores

terça-feira, 14 de abril de 2015

Amor he hum fogo que arde sem se ver... É por Luís Vaz de Camões e entre Musicada parcialmente e outras referências de estudos e Bíblicas...

Amor he hum fogo que arde sem se ver;
He ferida que doe e não se sente;
He hum contentamento descontente;
He dor que desatina sem doer;

He hum não querer mais que bem querer;
He solitario andar por entre a gente;
He hum não contentar-se de contente;
He cuidar que se ganha em se perder;

He hum estar-se preso por vontade;
He servir a quem vence o vencedor;
He hum ter com quem nos mata lealdade.

Mas como causar póde o seu favor
Nos mortaes corações conformidade,
Sendo a si tão contrário o mesmo Amor?
E Assim Ouça este texto na Fonte... 
http://pt.wikisource.org/wiki/Amor_he_hum_fogo_que_arde_sem_se_ver

Monte Castelo - Legião Urbana - Composição: Renato Russo 
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos,
Sem amor eu nada seria.
É só o amor! É só o amor
Que conhece o que é verdade.
O amor é bom, não quer o mal,
Não sente inveja ou se envaidece.
O amor é o fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer.
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos
Sem amor eu nada seria.
É um não querer mais que bem querer;
É solitário andar por entre a gente;
É um não contentar-se de contente;
É cuidar que se ganha em se perder.
É um estar-se preso por vontade;
É servir a quem vence, o vencedor;
É um ter com quem nos mata a lealdade.
Tão contrário a si é o mesmo amor.
Estou acordado e todos dormem.
Todos dormem. Todos dormem.
Agora vejo em parte,
Mas então veremos face a face.
É só o amor! É só o amor
Que conhece o que é verdade.
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos,
Sem amor eu nada seria. 
(MONTE CASTELO: Esta linda música de autoria de Renato Russo, foi gravada pela banda LEGIÃO URBANA, uma das bandas líderes do rock brasiliense, cujos componentes foram Renato Russo, Dado Villa-Lobos, Renato Rocha e Marcelo Bonfá, com passagens meio rápidas de (Ico Ouro Preto, Paulo Paulista e Eduardo Paraná). Depois Renato Rocha saiu (no fim do disco 3 - Que País é Este) e a formação final foi o trio Renato Russo, Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá. Aceito críticas e sugestões para melhorar possíveis futuras edições de vídeo no You Tube. Muito obrigado por assistir e COMPARTILHE!
MONTE CASTELO (CASTLE HILL): This beautiful song written by Renato Russo, Musician of Brazil, Brasília-DF, was recorded by the band LEGIÃO URBANA (URBAN LEGION) one of the leading rock bands brasiliense, whose components were Renato Russo, Dado Villa-Lobos, Renato Rocha and Marcelo Bonfa, with passages through rapid (ico Ouro Preto, São Paulo and Paulo Eduardo Paraná). After Renato Rocha left (at the end of Disc 3 - What Is This Country) and the final formation was the trio Renato Russo, Dado Villa-Lobos and Marcelo Bonfa. I accept criticism and suggestions for improving future editions possible video on You Tube. Thank you for watching and SHARE!) 
https://www.youtube.com/watch?v=nlX5TRS-2gs
E Assim Lembrado também no: Dia de Camões.
Luís Vaz de Camões foi um poeta de Portugal, considerado uma das maiores figuras da literatura em língua portuguesa e um dos grandes poetas do Ocidente. Pouco se sabe com certeza sobre a sua vida. Nasceu em 1524, Coimbra, e faleceu em 10.6.1580, Lisboa.
Li pouquíssimo de suas obras. Pois, para mim, o vernáculo, é de difícil compreensão. Uma das mais conhecidas obras de Camões foi musicada pelo Legião Urbana  e mescla citação Bíblica Sagrada de 1º Coríntio 13.
1 Coríntios 13 - compartilhar...
https://www.bibliaonline.com.br/acf/1co/13
Monte Castelo é uma canção da banda brasileira de rock Legião Urbana, lançada no álbum As Quatro Estações. Composta por Renato Russo, a canção traz citações do poeta português Luís Vaz de Camões em seu soneto 11, além do capítulo 131 de Coríntios, livro da Bíblia. A letra desta canção fala da importância do amor, do amor entre os seres-humanos. Monte Castelo é o nome do local onde a FEB (Força Expedicionária Brasileira) ganhou sua principal batalha durante a Segunda Guerra Mundial - ou seja, uma alusão a um ato de desamor da humanidade. O título, ao contrário da maioria dos títulos, é uma referência antagônica a mensagem da letra. 
http://pt.wikipedia.org/wiki/Monte_Castelo_%28can%C3%A7%C3%A3o%29
Luís Vaz de Camões  Monte Castelo ... Antes de iniciarmos essa calorosa discussão acerca das relações que se estabelecem entre essas vozes - ímpares por sinal-, tomemos, primeiramente, os exemplos a seguir, haja vista que eles alicerçam os posicionamentos que se fazem relevantes nesse nosso encontro. Ei-los, portanto, demarcados pelo poema de Luís Vaz de Camões, “Amor é fogo que arde sem se ver”, e pela música “Monte Castelo”, do grupo Legião Urbana:
Monte Castelo
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos,
Sem amor eu nada seria.
É só o amor! É só o amor
Que conhece o que é verdade.
O amor é bom, não quer o mal,
Não sente inveja ou se envaidece.
O amor é o fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer.
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos
Sem amor eu nada seria.
É um não querer mais que bem querer;
É solitário andar por entre a gente;
É um não contentar-se de contente;
É cuidar que se ganha em se perder.
É um estar-se preso por vontade;
É servir a quem vence o vencedor;
É um ter com quem nos mata a lealdade.
Tão contrário a si é o mesmo amor.
Estou acordado e todos dormem.
Todos dormem. Todos dormem.
Agora vejo em parte,
Mas então veremos face a face.
É só o amor! É só o amor
Que conhece o que é verdade.
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos,
Sem amor eu nada seria.
Continue lendo conforme: Fonte tbm neste link aqui... 
 http://www.alunosonline.com.br/portugues/intertextualidade-nas-vozes-camoes-renato-russo.html